A PRAÇA VERMELHA EM MOSCOU

CONHECENDO  A PRAÇA VERMELHA EM MOSCOU


Este local fantástico é o coração de Moscou e de toda a Rússia. Ficamos quatro dias em Moscou e todos  os dias acabávamos passeando pela praça vermelha. Patrimônio Mundial da UNESCO, este local atrai todos os turistas. A sensação quando estamos na praça é de felicidade e deslumbramento por estarmos em um pedaço da história do mundo. Passeatas, desfiles militares, tudo já aconteceu neste local. Como chegar: de táxi ou via metrô Plochad Revolutsi. Quatro importantes monumentos são os mais visitados:

Uma das entradas para Praça Vermelha


Catedral de São Basílio - Construida entre 1555 e 1561 por ordem do Czar Ivan, o terrível, em homenagem à conquista russa de Kazan e Astracã. Esta magnífica igreja ortodoxa é uma obra única da arquitetura Russa. Diz a lenda que o Czar Russo mandou matar o arquiteto que a construiu para que ele nunca mais fizesse outro trabalho igual para mais ninguém. Localizada no lado sudeste da praça, está em frente a torre Spasskaya do Kremlin. A primeira vez que vimos esta igreja ficamos imóveis com tamanha beleza. As cores fortes e sua arquitetura são realmente impressionantes. O grande número de turistas chama a atenção .Paga-se para entrar e tirar fotos.
Na catedral existem nove torres e a torre central domina o conjunto. As torres seguem o estilo gótico russo com uma cúpula cônica em forma de cebola. A torre mais alta da Catedral atinge 57 metros. O interior é pequeno e adornado com figuras da religião ortodoxa. Imperdível.





Kremlin- Uma fortaleza no centro da cidade que atualmente serve de sede ao governo Russo. Das vinte torres do Kremlin, a mais famosa é a Torre do Salvador (ou Spasskaya). No mausoléu de Lenin ao lado das muralhas do Kremlin esta guardado e exposto o corpo do fundador da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, além de outras autoridades que fizeram parte da história russa. A segurança aqui é rígida e vez por oura enfrenta-se uma pequena fila para entrar no mausoléu. No Kremlin encontram-se igrejas, palácios, jardins, museus e escritórios administrativos . O custo é de 350 rublos para visitar os jardins e igrejas. Para o museu, paga-se em torno de 700 rublos.

Kremlin e Mausoléu Lenim
Torre Spasskaya
Kremlin - vista externa
Kremlin - vista externa
Kremlin e suas cúpulas douradas


A troca de guardas é um momento esperado e único. O corre-corre dos turistas próximo ao tumulo do soldado desconhecido foi um aviso de que algo de importante iria acontecer. Ficamos enfileirados acompanhando e, às vezes, correndo para filmar ou fotografar este momento muito bonito. Apenas não queiram que os sisudos jovens soldados sorriam para as câmeras. Aí já seria demais.

Troca de guardas no Kremlin


Museu Nacional da Rússia - Conta a história Russa desde o tempo paleolítico até os dias atuais.


Shopping GUM - Antigo mercado municipal de Moscou. O mais famoso Shopping da cidade possui uma bela arquitetura e as mais famosas marcas são encontradas neste local. Antigamente os moscovitas se enfileiravam aqui em busca de alimentos e utensílios básicos. Hoje tudo mudou. Possui  bons restaurantes  no primeiro piso, onde fizemos nossas refeições.

Shopping Gum

Shopping Gum com seu teto de vidro

Shopping Gum - interior

O por- do- sol aqui é inesquecível. As cores mudam e o visual fica ainda mais bonito.O azul profundo do céu é imperdível. Não vá à Moscou sem ver o por- do- sol na Praça Vermelha. O frio acaba sendo um ponto a mais para curtir a cidade. Sem ele não estaríamos na verdadeira Moscou.


Gum e São Basílio ao fundo

Shopping Gum

Catedral de São Basílio
Museu Nacional Russo
Kremlin com Torre Spasskaya ao fundo

Retornamos ao nosso hotel felizes por termos conquistado mais este desafio de conhecer esta cidade tão longínqua e tão fantástica. Moscou, indubitavelmente, vale muito à pena.

Comente com o Facebook: